bz2 — Suporte para compressão bzip2

Código-fonte: Lib/bz2.py


Este módulo fornece uma interface abrangente para compactar e descompactar dados usando o algoritmo de compactação bzip2.

O módulo bz2 contém:

(Des)compressão de arquivos

bz2.open(filename, mode='rb', compresslevel=9, encoding=None, errors=None, newline=None)

Abre um arquivo compactado com bzip2 no modo binário ou texto, retornando um objeto arquivo.

Assim como no construtor para BZ2File, o argumento filename pode ser um nome de arquivo real (um objeto str ou bytes), ou um objeto arquivo existente para ler ou gravar.

O argumento mode pode ser qualquer um de 'r', 'rb', 'w', 'wb', 'x', 'xb', 'a' ou 'ab' para modo binário, ou 'rt', 'wt', 'xt' ou 'at' para modo texto. O padrão é 'rb'.

O argumento compresslevel é um inteiro de 1 a 9, como para o construtor BZ2File.

Para o modo binário, esta função é equivalente ao construtor de BZ2File: BZ2File(filename, mode, compresslevel=compresslevel). Neste caso, os argumentos encoding, errors e newline não devem ser fornecidos.

Para o modo texto, um objeto BZ2File é criado e envolto em uma instância io.TextIOWrapper com a codificação especificada, comportamento de tratamento de erros e final(is) de linha.

Novo na versão 3.3.

Alterado na versão 3.4: O modo 'x' (criação exclusiva) foi adicionado.

Alterado na versão 3.6: Aceita um objeto caminho ou similar.

class bz2.BZ2File(filename, mode='r', *, compresslevel=9)

Abre um arquivo compactado com bzip2 no modo binário.

Se filename for um objeto str ou bytes, abra o arquivo nomeado diretamente. Caso contrário, filename deve ser um objeto arquivo, que será usado para ler ou gravar os dados compactados.

O argumento mode pode ser 'r' para leitura (padrão), 'w' para substituição, 'x' para criação exclusiva ou 'a' para anexar. Estes podem ser equivalentemente dados como 'rb', 'wb', 'xb' e 'ab' respectivamente.

Se filename for um objeto arquivo (ao invés de um nome de arquivo real), um modo de 'w' não truncará o arquivo e será equivalente a 'a'.

Se mode for 'w' ou 'a', compresslevel pode ser um inteiro entre 1 e 9 especificando o nível de compressão: 1` ` produz a menor compressão e ``9 (padrão) produz a maior compactação.

Se mode for 'r', o arquivo de entrada pode ser a concatenação de vários fluxos compactados.

BZ2File fornece todos os membros especificados pelo io.BufferedIOBase, exceto detach() e truncate(). Iteração e a instrução with são suportadas.

BZ2File também fornece o seguinte método:

peek([n])

Retorna dados armazenados em buffer sem avançar a posição do arquivo. Pelo menos um byte de dados será retornado (a menos que em EOF). O número exato de bytes retornados não é especificado.

Nota

Enquanto chamar peek() não altera a posição do arquivo de BZ2File, pode alterar a posição do objeto de arquivo subjacente (por exemplo, se o BZ2File foi construído passando um objeto de arquivo para filename).

Novo na versão 3.3.

Alterado na versão 3.1: Suporte para a instrução with foi adicionado.

Alterado na versão 3.3: Os métodos fileno(), readable(), seekable(), writable(), read1() e readinto() foram adicionados.

Alterado na versão 3.3: Foi adicionado suporte para filename ser um objeto arquivo em vez de um nome de arquivo real.

Alterado na versão 3.3: O modo 'a' (anexar) foi adicionado, juntamente com suporte para leitura de arquivos multifluxo.

Alterado na versão 3.4: O modo 'x' (criação exclusiva) foi adicionado.

Alterado na versão 3.5: O método read() agora aceita um argumento de None.

Alterado na versão 3.6: Aceita um objeto caminho ou similar.

Alterado na versão 3.9: O parâmetro buffering foi removido. Foi ignorado e descontinuado desde o Python 3.0. Passe um objeto arquivo aberto para controlar como o arquivo é aberto.

O parâmetro compresslevel tornou-se somente-nomeado.

Alterado na versão 3.10: Esta classe não é segura para threads diante de vários leitores ou escritores simultâneos, assim como suas classes equivalentes em gzip e lzma sempre foram.

(Des)compressão incremental

class bz2.BZ2Compressor(compresslevel=9)

Cria um novo objeto compressor. Este objeto pode ser usado para compactar dados de forma incremental. Para compactação única, use a função compress().

compresslevel, se fornecido, deve ser um inteiro entre 1 e 9. O padrão é 9.

compress(data)

Fornece dados para o objeto compressor. Retorna um pedaço de dados compactados, se possível, ou uma string de bytes vazia, caso contrário.

Quando você terminar de fornecer dados ao compactador, chame o método flush() para finalizar o processo de compressão.

flush()

Finaliza o processo de compactação. Retorna os dados compactados deixados em buffers internos.

O objeto compactador não pode ser usado após a chamada deste método.

class bz2.BZ2Decompressor

Cria um novo objeto descompactador. Este objeto pode ser usado para descompactar dados de forma incremental. Para compactação única, use a função decompress().

Nota

Esta classe não trata de forma transparente entradas contendo múltiplos fluxos compactados, ao contrário de decompress() e BZ2File. Se você precisar descompactar uma entrada multifluxo com BZ2Decompressor, você deve usar um novo descompactador para cada fluxo.

decompress(data, max_length=- 1)

Descompacta dados data (um objeto bytes ou similar), retornando dados não compactados como bytes. Alguns dos data podem ser armazenados em buffer internamente, para uso em chamadas posteriores para decompress(). Os dados retornados devem ser concatenados com a saída de qualquer chamada anterior para decompress().

Se max_length for não negativo, retornará no máximo max_length bytes de dados descompactados. Se este limite for atingido e mais saída puder ser produzida, o atributo needs_input será definido como False. Neste caso, a próxima chamada para decompress() pode fornecer data como b'' para obter mais saída.

Se todos os dados de entrada foram descompactados e retornados (seja porque era menor que max_length bytes, ou porque max_length era negativo), o atributo needs_input será definido como True .

A tentativa de descompactar os dados após o final do fluxo ser atingido gera um EOFError. Quaisquer dados encontrados após o final do fluxo são ignorados e salvos no atributo unused_data.

Alterado na versão 3.5: Adicionado o parâmetro max_length.

eof

True se o marcador de fim de fluxo foi atingido.

Novo na versão 3.3.

unused_data

Dados encontrados após o término do fluxo compactado.

Se este atributo for acessado antes do final do fluxo ser alcançado, seu valor será b''.

needs_input

False se o método decompress() puder fornecer mais dados descompactados antes de exigir uma nova entrada descompactada.

Novo na versão 3.5.

(De)compressão de uma só vez (one-shot)

bz2.compress(data, compresslevel=9)

Compacta data, um objeto bytes ou similar.

compresslevel, se fornecido, deve ser um inteiro entre 1 e 9. O padrão é 9.

Para compressão incremental, use um BZ2Compressor.

bz2.decompress(data)

Descompacta data, um objeto bytes ou similar.

Se data for a concatenação de vários fluxos compactados, descompacta todos os fluxos.

Para descompressão incremental, use um BZ2Decompressor.

Alterado na versão 3.3: Suporte para entradas multifluxo foi adicionado.

Exemplos de uso

Abaixo estão alguns exemplos de uso típico do módulo bz2.

Usando compress() e decompress() para demonstrar a compactação de ida e volta:

>>> import bz2
>>> data = b"""\
... Donec rhoncus quis sapien sit amet molestie. Fusce scelerisque vel augue
... nec ullamcorper. Nam rutrum pretium placerat. Aliquam vel tristique lorem,
... sit amet cursus ante. In interdum laoreet mi, sit amet ultrices purus
... pulvinar a. Nam gravida euismod magna, non varius justo tincidunt feugiat.
... Aliquam pharetra lacus non risus vehicula rutrum. Maecenas aliquam leo
... felis. Pellentesque semper nunc sit amet nibh ullamcorper, ac elementum
... dolor luctus. Curabitur lacinia mi ornare consectetur vestibulum."""
>>> c = bz2.compress(data)
>>> len(data) / len(c)  # Data compression ratio
1.513595166163142
>>> d = bz2.decompress(c)
>>> data == d  # Check equality to original object after round-trip
True

Usando BZ2Compressor para compressão incremental:

>>> import bz2
>>> def gen_data(chunks=10, chunksize=1000):
...     """Yield incremental blocks of chunksize bytes."""
...     for _ in range(chunks):
...         yield b"z" * chunksize
...
>>> comp = bz2.BZ2Compressor()
>>> out = b""
>>> for chunk in gen_data():
...     # Provide data to the compressor object
...     out = out + comp.compress(chunk)
...
>>> # Finish the compression process.  Call this once you have
>>> # finished providing data to the compressor.
>>> out = out + comp.flush()

O exemplo acima usa um fluxo de dados muito “não aleatório” (um fluxo de partes b”z”). Dados aleatórios tendem a compactar mal, enquanto dados ordenados e repetitivos geralmente produzem uma alta taxa de compactação.

Escrevendo e lendo um arquivo compactado com bzip2 no modo binário:

>>> import bz2
>>> data = b"""\
... Donec rhoncus quis sapien sit amet molestie. Fusce scelerisque vel augue
... nec ullamcorper. Nam rutrum pretium placerat. Aliquam vel tristique lorem,
... sit amet cursus ante. In interdum laoreet mi, sit amet ultrices purus
... pulvinar a. Nam gravida euismod magna, non varius justo tincidunt feugiat.
... Aliquam pharetra lacus non risus vehicula rutrum. Maecenas aliquam leo
... felis. Pellentesque semper nunc sit amet nibh ullamcorper, ac elementum
... dolor luctus. Curabitur lacinia mi ornare consectetur vestibulum."""
>>> with bz2.open("myfile.bz2", "wb") as f:
...     # Write compressed data to file
...     unused = f.write(data)
>>> with bz2.open("myfile.bz2", "rb") as f:
...     # Decompress data from file
...     content = f.read()
>>> content == data  # Check equality to original object after round-trip
True