__future__ — Definições de instruções de future

Código-fonte: Lib/__ future __.py


__future__ é um módulo real, e serve a três propósitos:

  • Para evitar confundir as ferramentas existentes que analisam as instruções de importação e esperam encontrar os módulos que estão importando.

  • Para garantir que instruções futuras sejam executadas em versões anteriores a 2.1, pelo menos, processe exceções de tempo de execução (a importação de __future__ falhará, porque não havia nenhum módulo desse nome antes de 2.1).

  • Para documentar quando as mudanças incompatíveis foram introduzidas, e quando elas serão — ou foram — obrigatórias. Esta é uma forma de documentação executável e pode ser inspecionada programaticamente através da importação __future__ e examinando seus conteúdos.

Cada instrução em __future__.py é da forma:

FeatureName = _Feature(OptionalRelease, MandatoryRelease,
                       CompilerFlag)

Onde, normalmente, OptionalRelease é inferior a MandatoryRelease, e ambos são tuplas de 5 entradas da mesma forma que sys.version_info:

(PY_MAJOR_VERSION, # the 2 in 2.1.0a3; an int
 PY_MINOR_VERSION, # the 1; an int
 PY_MICRO_VERSION, # the 0; an int
 PY_RELEASE_LEVEL, # "alpha", "beta", "candidate" or "final"; string
 PY_RELEASE_SERIAL # the 3; an int
)

OptionalRelease registra o primeiro lançamento no qual o recurso foi aceito.

No caso de um MandatoryRelease que ainda não ocorreu, MandatoryRelease prevê o lançamento em que o recurso se tornará parte da linguagem.

Senão MandatoryRelease registra quando o recurso se tornou parte do idioma; Em versões em ou depois disso, os módulos não precisam mais de uma instrução de future para usar o recurso em questão, mas podem continuar a usar essas importações.

MandatoryRelease também pode ser None, o que significa que uma característica planejada foi descartada.

Instâncias de classe _Feature têm dois métodos correspondentes, getOptionalRelease() e getMandatoryRelease().

CompilerFlag é o sinalizador (bitfield) que deve ser passado no quarto argumento para a função embutida compile() para habilitar o recurso no código compilado dinamicamente. Este sinalizador é armazenado no atributo compiler_flag em instâncias de _Feature.

Nenhuma descrição de característica será excluída de __future__. Desde a sua introdução no Python 2.1, os seguintes recursos encontraram o caminho para o idioma usando esse mecanismo:

característica

opcional em

obrigatório em

efeito

nested_scopes

2.1.0b1

2.2

PEP 227: Statically Nested Scopes

geradores

2.2.0a1

2.3

PEP 255: Simple Generators

divisão

2.2.0a2

3.0

PEP 238: Changing the Division Operator

absolute_import

2.5.0a1

3.0

PEP 328: Imports: Multi-Line and Absolute/Relative

with_statement

2.5.0a1

2.6

PEP 343: The “with” Statement

print_function

2.6.0a2

3.0

PEP 3105: Make print a function

unicode_literals

2.6.0a2

3.0

PEP 3112: Bytes literals in Python 3000

generator_stop

3.5.0b1

3.7

PEP 479: StopIteration handling inside generators

annotations

3.7.0b1

3.10

PEP 563: Postponed evaluation of annotations

Ver também

Future statements

Como o compilador trata as importações de future.